"Um mundo melhor começa na nossa casa."

quarta-feira, 25 de julho de 2012

ESCOLHAS E CONSEQUENCIAS :(


Nesta sociedade onde vivo,
Quando não queremos ir atrás da carneirada toda,  temos opinião e vontade própria, espírito critico, e sabemos analisar, ou melhor tentamos analisar e escolher a situação que mais se adequa á situação actual e mais correcta, quando há um esforço de tentar fazer e dar o melhor para o resultado ser o mais positivo possível tentando contribuir assim para uma sociedade mais produtiva e justa, mas não vamos de encontro ás ideias de determinados personagens e á hipocrisia das mesmas, estas julgam- se mais iluminadas que o resto da sociedade só porque têm um canudo!!!
Valha me Deus, quem são essas criaturas que pensam que não cometem erros, a única coisa que sabem fazer é analisar o trabalho dos outros e descobrir os erros, os pontos fracos, (talvez assim se sintam melhor), em vez de apontarem o melhor de cada um e depois sim tentarem ajudar a corrigir e melhorar coisas menos positivas, assim sim estavam a fazer o melhor do seu trabalho e a contribuir para a sociedade e para as gerações vindouras, afinal deveria de ser esta a missão desta gente, ensinar e formar individuos mas não pelo contrário, enfim mentalidades recalcadas, que se dizem doutoras e mestras na matérias, que conhecem a história nacional e mundial de frente para trás e detrás para a frente que pensam que sabem tudo, mas não sabem o essencial, que até já esqueceram os verdadeiros valores...e pensava eu que tinham acompanhado os tempos, que o 25 de Abril tinha sido em 1974,  depois... vêm-se estas mentalidades do tempo do estado novo onde pensar, analisar ou falar era simples e puramente proibido.
Estamos em 2012, 38 anos depois do grito para a liberdade...onde é que ela está???  Onde é que ela ficou???
Pois meus senhores desenganem-se a liberdade, essa ainda está presa dentro de muitas cabeças como estas que até sabem o seu significado, mas não passam senão de selas que fecham a sete chaves a liberdade. Liberdade que só  conhecem dos livros, mas só dos livros, a simples liberdade de pensar que nem chega a ganhar voz, porque a voz, essa querem-na amordaçar, para não ter  poder e dar voz ao pensamento... essa é lhes desconhecida.
Tenho 40 anos, pensava viver num país livre, mas desenganem-se a liberdade é só e simplesmente no dia 25 de Abril de cada ano que vai passando e só porque faz parte do protocolo , os outros dias, esse são só paisagem, pensava eu, ou melhor, achava eu que vivia em liberdade e tinha liberdade de expressão, mas NÃO .  

Obrigado pela Visita :)

Obrigado pela Visita :)