"Um mundo melhor começa na nossa casa."

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Menos com mais :)


Queridos e queridas, como prometi vou fazer ou melhor escrever o que vos prometi.
Quando estava em modo limpezas, arrumações e mudanças, escrevi que falaria sobre tal, então vamos lá,em relação a limpezas e arrumaçõe,  hoje vou falar em especial sobre roupa.
Vou já directo ao assunto sem rodeios e sem demoras.
Eu sou aquele tipo de pessoa que deixei de comprar roupa só para cerimónias, até porque os tempos não chamam ás cerimónias e depois tenho mais que fazer que estar a encher os roupeiros com roupa que não vou vestir tão depressa ou nas pior das hipóteses nunca mais. 
Este tipo de roupa só ocupa espaço por tempo indeterminado nos roupeiros  e desocupa de vez mais uns euros da carteira e que ás vezes não são tão poucos quanto isso, hoje compro com consciência e não porque sim. Sempre tive o cuidado de comprar nos saldos, agora ainda mais cuidado tenho e só compro mesmo o essencial e com o cuidado de escolher bem as cores e modelos 
Agora, tenho o cuidado de comprar peças de roupa básica /simples que dão para várias ocasiões, depois é só adornar com um bom lenço, uma pregadeira, enxarpe mais um sem número de coisas e alguma imaginação, quanto à roupa essa pode ser usada depois com outras peças no meu dia a dia sentindo assim que o dinheiro foi bem gasto sem ter a consciência avisar e a repisar o assunto.
Este ano assim como o anterior fiz uma "limpeza " no meu roupeiro, foram inúmeras as peças de roupa que doei, se não visto então porque é que as tenho ?
Ainda hoje de manhã olhava para dentro do meu roupeiro e vi umas tantas peças que vão sair dali para fora, já depois de este ano ter feito uma escolha, e sabem que mais, não sinto falta do que doei pelo contrário foi um peso que me foi tirado das costas e da consciência, e querem saber mais ? É bom poder mexer à vontade nas roupas ter espaço para espreitar e poder ver logo ás primeiras aquilo que se procura sem perder assim muito tempo.
Outra razão da qual eu gosto muito de ter menos roupa é o facto de não poder acumular roupa para passar a ferro, se esta é em menos quantidade então tem de estar sempre em ordem como vêm ter menos é ter mais, outra das razões é a organização das gavetas , do roupeiro e depois digam lá se com vocês não acontecia o mesmo que eu , andar quase sempre com as mesmas peças ?
Ao escolher a roupa, depois de organizar a que ficou descobre-se sempre peças que poderíamos de chamar de novas , pois como já disse acabávamos sempre por andar com as mesmas roupas, foi quase como ir ás compras !
Então posso concluir que ter menos é ter mais: 
Menos roupa,mas com mais uso
Mais organização,
Arrumação mais rápida e eficaz
Mais espaço nos roupeiros e gavetas, 
Menos roupa a cumular para passar a ferro, 
Mais dinheiro, 
e mais tempo para o que mais gosto de fazer.
Como vêm ter menos é ter mais!!!
Não sou nem de longe nem de perto uma minimalista, mas confesso que desde que tenho andado a ler mais sobre este assunto que me sinto muito mais feliz e aliviada tanto fisicamente como psicologicamente. 
As mudanças não se fazem do dia para a noite, o importante é dar o primeiro passo e depois ir caminhando devagar sem sair do trilho.
Espero ter dado alguma ajuda com a minha experiência pessoal.
Por hoje é tudo.
Beijinhos, 
Bilocas :) 

Obrigado pela Visita :)

Obrigado pela Visita :)